Fatec Marília - Fatec Marília e Etec de Garça fazem intercâmbio cultural e educativo


Fatec Marília e Etec de Garça fazem intercâmbio cultural e educativo

Por uma semana – de 7 a 15 de dezembro –, um grupo formado por professores, alunos e ex-alunos da Faculdade de Tecnologia do Estado (Fatec) Estudante Rafael Almeida Camarinha, de Marília, e da Escola Técnica Estadual (Etec) Dep. Paulo Ornellas Carvalho de Barros, de Garça, ao lado de assistidos e representantes de associações e empresas da região, viveram uma experiência única.

Com o objetivo de levar o projeto Fazendo e Aprendendo à comunidade das cidades de Rivera e Tacuarembó, no Uruguai, eles tiveram a chance de conviver com pessoas que falam outra língua, no caso o espanhol e, ao mesmo tempo, dar noções de português aos colegas, já que as atividades eram bilíngues.

Resultado de uma parceria da Fatec e da Etec com a Associação de Professores e Estudantes do Idioma Espanhol de Marília (Apeie) e com o Serviço de Atendimento ao Menor e Adolescente (Seama), as oficinas tiveram 25 participantes entre professores, pais e alunos de uma escola estadual uruguaia e do Instituto Cultural Eula de Assis, que ensina português aos uruguaios. Os brasileiros também doaram 2,5 mil livros, recolhidos na região de Marília, para a montagem de uma biblioteca, em português, na Escuela nº 2 de Práctica Bilingüe José Pedro Varela, em Rivera.

“Nosso projeto tem o alimento como uma ferramenta socioeducativa. Não só como culinária e nutrição, mas num sentido bem mais amplo, que inclui arte, leitura, educação ambiental, leitura e o conhecimento de outras línguas, como o espanhol”, disse Renata Bonini Pardo, professora do curso de Tecnologia em Alimentos da Fatec Marília e responsável pelo projeto. “Acredito que a troca de conhecimentos culturais, educativos e sociais pode resultar em técnicas diferentes e gerar um produto final de maior qualidade para as escolas do Brasil e do Uruguai”, acrescentou Lígia Izique, professora do curso Técnico em Agropecuária Integrado ao Médio da Etec de Garça.

Estiveram também no Uruguai, Josué Ribeiro de Jezus, tecnólogo em Alimentos, formado pela Fatec; Alexsandro Macario Tachinski e Michele Fernanda de Oliveira, alunos da Etec de Garça; cinco adolescentes do Projeto Seama e representantes de empresas, associações e da Prefeitura de Marília, num total de 28 pessoas. Os custos da viagem foram bancados pelos participantes e por empresas locais, a exemplo da Chocolates Barry Callebaut e Café Dona Santina.

Fazendo e Aprendendo

As atividades oferecidas pelo Projeto Fazendo e Aprendendo durante o intercâmbio no Uruguai resultam de um trabalho conjunto, iniciado em 2011, dos Projetos de Regime de Jornada Integral da Fatec Marília, desenvolvidos no Seama, sob a responsabilidade de Renata Bonini Pardo (O Alimento como ferramenta socioeducativa) e Alda Maria Otoboni (Reaproveitamento de Resíduos Orgânicos e seus Efeitos na Qualidade de Produtos Vegetais: A participação do Tecnólogo em Alimentos na Educação Ambiental e Tecnológica), em parceria com a Etec de Garça, representada por Adilson Teixeira Filho, professor de Agropecuária Sustentável, e Ligia Izique (Projeto Orgânico).

Fonte: http://www.centropaulasouza.sp.gov.br/Noticias/2013/dezembro/16c_fatec-marilia-e-etec-de-garca-fazem-intercambio-cultural-e-educativo-no-uruguai.asp